Estamos migrando o conteúdo do antigo portal da PMPA. Se não encontrar o que está procurando, tente visitar o site antigo (link abre em nova janela).
Transporte e Circulação

João Alfredo recebe lounges, novos bancos e floreiras

09/11/2019 15:37
Jefferson Bernardes / PMPA
EXECUTIVO
Desde setembro, quando foi implantada a sinalização, número de acidentes caiu 36%

Incentivar o uso diurno do espaço, com mais segurança e harmonia entre os frequentadores. Esse é o objetivo da Prefeitura de Porto Alegre com o projeto Ruas Completas, implantado na João Alfredo. Na manhã deste sábado, 9, o prefeito Nelson Marchezan Jr., acompanhado de integrantes da prefeitura, realizou uma visita no local. 

Foram instalados três lounges, nove bancos e 16 floreiras. Os bancos foram doados pela empresa LifePoa, os lounges foram produzidos por alunos de marcenaria da Fundação O Pão dos Pobres, com pallets doados pela empresa Gerdau e projeto desenvolvido pela designer Laura Machado e arquiteta Luísa Konzen (participação na concepção do mobiliário), com apoio do Engenheiros sem Fronteiras. As floreiras de cimento foram doação da Artefatos de Cimento Confiança, as plantas foram fornecidas pela Secretaria Municipal do Meio Ambiente e Sustentabilidade (Smams) e a pintura das rótulas foi feita

Jefferson Bernardes / PMPA
EXECUTIVO
Prefeito diz que a ideia é testar o projeto para usar como modelo em outras regiões

por crianças, com a supervisão do grafiteiro Deivid Bizer. 

Desde que foi implantada a sinalização, em setembro, levantamento da Empresa Pública de Transporte e Circulação aponta uma queda de 36% no número de acidentes na João Alfredo, de 22 para 14. “O conceito aqui é testar. Escolhemos um ambiente que já tem ocupação do espaço, tem esse conflito entre pedestres, ciclistas, veículos, moradores e comércio, é um bom ambiente de testes. A ideia depois é usar como modelo para implantar em outras regiões. Humaniza o ambiente e embeleza a cidade”, explica o prefeito. O mobiliário instalado encerra a primeira etapa da metodologia do projeto, seguindo o conceito mundial de Rua Completa, que teve retorno positivo em cidades como Nova Iorque, Barcelona, Cidade do México e Madri. “A proposta é organizar o local, com espaço destinado para todos os modais, com prioridade ao pedestre e à ocupação do espaço público. A segurança é um dos principais objetivos e na João Alfredo já temos resultados muito positivos”, destaca o secretário Extraordinário de Mobilidade Urbana, Rodrigo Tortoriello.

Ruas Completas - É um conceito mundial que tem como objetivo remodelar o espaço público, com desenho urbano diferenciado, incentivo à mobilidade ativa (meios de transporte não motorizados) e atividades no período diurno. A qualificação irá beneficiar a população que transita pelo local, com mais segurança para todos (moradores, comerciantes e visitantes). Essa etapa já concluída, com a apresentação do conceito para a população (com consulta e sugestões da comunidade local), implantação de sinalização viária e mobiliário, é chamada de temporária. Após as modificações, é realizada uma ampla análise do que foi implantado, o impacto na população, segurança viária e mobilidade urbana. Com base na conclusão, é feito um novo projeto que prevê alargamento de calçadas, iluminação e arborização, com possíveis adequações conforme necessidade.

Parceiros no desenvolvimento do Ruas Completas na João Alfredo:      
- Além da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Mobilidade Urbana (Smim), Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), Secretaria Municipal do Meio Ambiente e Sustentabilidade (Smams) e DMLU. Também se envolveram no projeto: Frente Nacional dos Prefeitos (FNP), WRI (World Resources Institute), Fundação O Pão dos Pobres, Engenheiros sem Fronteiras, Gerdau, designer Laura Machado e arquiteta Luísa Konzen (participação na concepção do mobiliário).

  

 

Gabriela Duarte

Andrea Brasil

Acompanhe a prefeitura nas redes