Estamos migrando o conteúdo do antigo portal da PMPA. Se não encontrar o que está procurando, tente visitar o site antigo (link abre em nova janela).
Desenvolvimento Econômico

Despesca dá início a preparativos para a Feira do Peixe

11/04/2019 16:58
Luciano Lanes/PMPA
DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO
A expectativa é vender cerca de 407 toneladas de pescados

A despesca dos peixes que serão vendidos na 239ª Feira do Peixe de Porto Alegre e outras feiras da cidade ocorreu nesta quinta-feira, 11. O evento, realizado na sede da Associação dos Pescadores e Piscicultores do Extremo-Sul (Appesul), no bairro Vila Nova, antecede o evento e destaca a produção da piscicultura do município. A expectativa para este ano é de que cerca de 407 toneladas de pescados sejam comercializadas.

Na ocasião, o titular da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Eduardo Cidade, lembrou que o objetivo é chamar atenção para a importância da piscicultura. “A criação de peixes em açudes é uma boa alternativa de renda para o produtor rural, assim como a pesca, que movimenta a economia da Capital”, afirma.


Despesca – A despesca é a retirada dos peixes nos tanques das regiões Sul e Extremo-Sul, com redes ou tarrafas. O processo ocorre quando os peixes atingem o peso ideal para o consumo em viveiros ou represas. No entreposto da Appesul, os peixes são destinados à alimentação dos alunos de escolas das redes estadual e municipal de Porto Alegre. 

“A etapa da despesca é importante para que o empreendedor não sofra perdas no processo de abate e transporte. É uma forma de manter a qualidade do peixe e agregar valor à venda. O sucesso obtido a cada edição nos indica que estamos trilhando o caminho correto para melhorar a qualidade de vida do pescador e oferecer produtos de qualidade a preços adequados ao consumidor”, expõe o diretor da Divisão de Fomento Agropecuário, Oscar Pellicioli.

Semana Santa – A despesca representa uma preparação para a tradicional Feira do Peixe de Porto Alegre, que neste ano ocorre entre 16 e 19 de abril no Largo Glênio Peres. A estrutura, que já está sendo montada, tem 51 bancas de pescado, quatro bancas de entidades representativas do setoruma com peixes vivos e quatro com artigos de alimentação – como o peixe assado na taquara, bolinhos e espetinhos de peixe. 

Simultaneamente, ocorrerão também a 17ª Feira do Peixe da Restinga e a 8ª Feira do Peixe do Extremo Sul, em Belém Novo. Desde 2017, a feira ocorre sem recursos públicos. Tudo é bancado pelos próprios feirantes e pescadores da Colônia Z-5, da Associação dos Pescadores e Piscicultores do Extremo-Sul (Appesul) e atacadistas, com apoio institucional da Divisão de Fomento Agropecuário (DFA) da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (SMDE).


Serviço da Feira do Peixe 2019:

 
239ª Feira do Peixe de Porto Alegre
Dia: 16 a 19 de Abril
Horário: 8h30 às 20h30
Local: Largo Glênio Peres
 
17ª Feira do Peixe Restinga
Dia: 17 a 19 de Abril
Horário: 8h30 às 20h30
Local: Esplanada da Restinga
 
8ª Feira do Peixe do Extremo Sul em Belém Novo
Dia: 17 a 19 de Abril
Horário: 8h30 às 20h30
Local: Praça Inácio Antônio da Silva

 

 

Letícia Santana

Matheus Beust