Estamos migrando o conteúdo do antigo portal da PMPA. Se não encontrar o que está procurando, tente visitar o site antigo (link abre em nova janela).
Saúde

Vinte e três unidades de saúde terão horário prolongado

21/06/2019 12:44

 

Cristine Rochol / PMPA
Sec. SMS, Erno Harzheim, no ato que da ínicio a ampliação do horário e atendimento da US São Carlos até as 22h.
Atendimento até mais tarde amplia o acesso aos serviços e reduz a busca pelas emergências

Vinte e três unidades de saúde de Porto Alegre estão homologadas e com adesão efetivada no Programa Saúde na Hora, do Ministério da Saúde. Com isso, 23 novos postos passarão a funcionar com horário estendido, das 8h às 20h. Os objetivos são reduzir o volume de usuários com baixo risco nas emergências, ampliar a cobertura da Estratégia de Saúde da Família e o número de usuários nas ações e nos serviços.

A partir de agora, a Secretaria Municipal de Saúde tem prazo de quatro meses para adequar os serviços aos critérios do programa. Entre as exigências às unidades para receber o incentivo do ministério, estão abrir à noite, possuir gerente de unidade, manter o prontuário eletrônico atualizado, possuir infraestrutura adequada para comportar as equipes e permanecer em funcionamento no horário do almoço. Para o custeio das estruturas, o Município receberá R$ 1,5 milhão por ano – R$ 132 mil por mês.

Porto Alegre já conta também com quatro unidades de saúde com atendimento estendido até 22h, e o exemplo da capital gaúcha serviu como referência nacional. Juntas, as unidades São Carlos, Modelo, Tristeza e Ramos realizaram mais de 100 mil atendimentos desde março de 2017, somente no horário entre 17h e 22h. Nos locais, são ofertadas consultas médicas, de enfermagem e odontológicas, além de curativos, aplicação de vacinas e coleta de exames laboratoriais.

Conforme o secretário municipal de Saúde, Pablo Stürmer, o padrão de atendimento em turno prolongado aumenta a oferta e o acesso à assistência, reduzindo a busca por serviços de urgência. “Antes, o paciente tinha como única opção as emergências de hospitais ou pronto atendimentos no horário noturno. Agora, oferecemos um serviço adequado e ampliado em diferentes regiões da cidade”, afirma.

  

 

Neemias Freitas

Rui Felten

Acompanhe a prefeitura nas redes